GAMES

A razão pela qual os astrônomos estão observando esta estrela hipergigante enquanto ela morre

A razão pela qual os astrônomos estão observando esta estrela hipergigante enquanto ela morre

[ad_1]

Uma das estrelas hipergigantes mais famosas é Betelgeuse, localizada na constelação de Orion. Betelgeuse tem sido objeto de muito interesse recentemente por causa de seu comportamento estranho: a partir de 2019, a estrela diminuiu drasticamente, perdendo até dois terços de seu brilho standard (by way of NASA). Então, em 2020, parecia estar de volta ao seu brilho anterior. Embora seja standard que as estrelas escureçam ou iluminem ao longo do pace, esse é normalmente um processo que acontece muito mais lentamente.



Originalmente, alguns observadores pensaram que Betelguese poderia estar prestes a se tornar uma supernova. Outros pensaram que a estrela poderia estar coberta de manchas escuras como manchas solares. Mas a pesquisa usando o Telescópio Espacial Hubble descobriu que o causa do escurecimento foi algo diferente: a estrela havia produzido uma grande quantidade de gás em uma erupção, que formou uma nuvem de poeira. Essa nuvem estava bloqueando parte da luz da estrela de chegar até nós, por isso parecia mais fraca.

Um processo semelhante acontece no VY Canis Majoris, mas em maior escala. “Pense nisso como Betelgeuse em esteróides”, disse Ziurys. “É muito maior, muito mais massivo e sofre violentas erupções em massa a cada 200 anos ou mais.”

Os pesquisadores observaram VY Canis Majoris usando ferramentas como o Atacama Massive Millimeter Array no Chile para observar o gás que a estrela está ejetando. Eles detectaram óxido de enxofre, dióxido de enxofre, óxido de silício, óxido de fósforo e cloreto de sódio, e também coletaram informações sobre como esses produtos químicos são misturados no gás. Eles também descobriram que diferentes ejeções emitiam diferentes misturas de produtos químicos, ajudando a entender como estrelas como esta perdem sua massa ao longo do pace (by way of Universidade do Arizona).

[ad_2]

Fonte da Notícia: www.slashgear.com

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo