TECNOLOGIA

Google Maps ganha recurso para pesquisar pontos de doação de alimentos em todo o Brasil | Tecnologia

Google Maps ganha recurso para pesquisar pontos de doação de alimentos em todo o Brasil |  Tecnologia

[ad_1]

O Google anunciou um mapa que reúne pontos de cozinha solidária pelo Brasil em parceria com a ONG Ação da Cidadania. A iniciativa, apresentada nesta terça-feira gratuita14), visa ajudar as pessoas em vulnerabilidade social a encontrarem pontos de distribuição gratuita e refeições.



O recurso está disponível na busca do Google e no Google Maps, e reúne cerca de 1.000 organizações sem organizações que trabalham como organizações para combater a fome em países do país.

Os usuários também podem pesquisar os locais para mantimentos.

O objetivo é aumentar os números de pontos de alimentação solidária nos próximos meses e criar o maior banco de dados virtual deste tipo no Brasil.

Nesta primeira etapa, o Maps exibirá um filtro de cozinhas solidárias no menu do aplicativo para Android e iOS. Posteriormente, os locais serão destacados em pesquisas por termos como “banco de alimentos” e “cozinha solidária perto de mim”.

O Brasil é o segundo país a receber o recurso, que também está disponível nos Estados Unidos. Por aqui, a coleta de dados é feita desde setembro de 2021 pela Ação da Cidadania, que divide as iniciativas em três tipos:

  • Bancos de alimentos: conecte-se a quem precisa;
  • despensas: distribuem alimentos in natura;
  • cozinhas solidárias: preparação e entrega de refeições e prontas para a população em situação de pessoas sem condições de preparação da refeição.

A ONG pretende ampliar a lista de pontos de doação de alimentos e, para isso, criou uma página em seu website para o cadastro de iniciativas. A inscrição só pode ser feita por projetos realizados por entidades da sociedade civil sem fins lucrativos.

Segundo a Ação da Cidadania, os pedidos de cadastro são amplos, planejados em conta a estrutura como atendimento de existência, pace e governança.

[ad_2]

Fonte da Notícia: g1.globo.com

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo